TRANSPORTE ALTERNATIVO FAZEM PROTESTO EM TODA A BAHIA

A população mesmo insatisfeita com a  interrupção da Estrada do Feijão
 aprovam a manifestação 

Aconteceu na manhã desta quarta. (21/08), em toda a Bahia, protesto para a regularização do transporte alternativo da Bahia. 
A categoria reivindica audiência com as autoridades para a legalização
do transporte alternativo na Bahia

As manifestações aconteceram ao mesmo tempo em pontos estratégicos da Bahia. Na estrada do Feijão no trevo do Bravo e Ipirá. Também houve manifestação na cidade de Ruy Barbosa onde centenas de motoristas de Vans com queima de fogos e buzinaço demostraram a insatisfação com a nova lei que irá acabar com o transporte alternativo.
Ambulância e o pessoal que fazem hemodialise tinha acesso livre

 Em todas as paralelizações  só tinha acesso livre, ambulâncias e o transportes que conduzia pessoas para fazerem hemodialise, policias que também iriam fazer a troca de plantão ou descansar tiveram acesso livre. 

Cerca de 400 vans do transporte alternativo ocuparam as vias do Centro Administrativo do Estado da Bahia (CAB), na manhã desta segunda-feira (22). 
Num protesto em prol da regulamentação da atividade no país, pouco mais de 800 trabalhadores baianos se reuniam em frente à Assembleia Legislativa do Estado (Alba) e do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA). 

A manifestaç
A Polícia Rodoviária Estadual esteve no local garantido
a segurança como comando do Sargento Mota
ão nacional acontece depois que o presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei nº 13.855, aprovada pelo Congresso Nacional, que altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que dispõe sobre transporte escolar e transporte remunerado não licenciado.


 O projeto altera o CTB em seus artigos 230 e 231, para aumentar as penas de “conduzir o veículo sem portar a autorização para condução de escolares, na forma estabelecida no artigo 136”, e de “transitar com o veículo efetuando transporte remunerado de pessoas ou bens, quando não for licenciado para esse fim, salvo casos de força maior ou com permissão da autoridade competente”.
"Estamos na UTI. Temos até 80 dias para trabalhar. Essa lei derruba uma liminar da Justiça. Como estamos irregulares se obedecemos todos os requisitos do Código de Trânsito, como vistorias constantes e o fato de todos os motoristas estarem devidamente habilitados? Como somos irregulares?", declarou Roberto Oliveira, uma das lideranças do movimento.
Oliveira disse que as consequências serão dramáticas. "Serão mais de três milhões de desempregados em todo o estado, sem falar no reflexo indireto, como as oficinas de manutenção e as empresas de vendas de peças para as vans", argumentou. "Atualmente, em Salvador, atuam 600 cooperativas que transportam por dia 200 pessoas a partir das 3h30", compelmentou Oliveira. 
Avenida Paralela
A  concentração começou às 7h em frente ao Wet’n Wild, na Avenida Paralela. Pouco depois das 8h a carreta com vans enfileiradas chegou ao CAB puxada por um mini-trio. Logo depois pararam em frente à Alba e, depois, na sede do TJ-BA - nas duas situações houve declarações de repúdio à lei sancionada. Em seguida, as vans seguirão para a Prefeitura de Salvador na Praça Municipal.

Os trabalhadores questionam a vigência da Lei 13.855/19, que aumenta a punição para os transportes alternativos. A lei altera o Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97), classificando o transporte alternativo como infração gravíssima.

Segundo  a Superintendência de Trânsito e Transporte de Salvador (Transalvador), no início da manhã, as vans tomaram a via da esquerda da avenida Paralela que possui trechos com seis e cinco faixas. Com isso, o trânsito ficou com pontos de lentidão na região da Avenida Paralela, sentido Centro.

Colaboração Correio da Bahia






CASA DA CIDADANIA DA VOZ E VEZ AOS ANGUERENSES EM AUDIÊNCIA PUBLICA REALIZADA COM SUCESSO

Foi realizada na noite de terça-feira (20/08), no espaço da Câmara de  vereadores, uma audiência pública para discutir o Resgate das festividades em  comemoração ao dia do vaqueiro, ideia cadastrada no Banco de Ideias Legislativas pelo senhor Marcelo Spinola que esteve presente juntamente com a sua esposa e escritora Nelza Spinola 

A audiência convocada pelos Vereadores e pelo Conselho Municipal de Cultura, que teve a presença da Presidente Jessica Reis, contou com a presença de dezenas de cidadãos, dentre eles, autoridades municipais e representantes de grupos de cavalgadas e montarias, que hoje somam mais de 30 na cidade de Anguera. Jefinho da Cavalgada Tropa Vaqueira em sua fala sugeriu ao Secretario Gilson Ferreira que  elaborasse o calendário das montarias e cavalgadas da cidade. 

Tendo avo e tios vaqueiros, Sandrinho conclamou a todos os grupos de montarias e cavalgadas que ajudasse na organização da festa de vaqueiros de Anguera, ele disse que  "se todos os grupos de montarias e cavalgadas fizesse a sua parte", a festa será sucesso total.

Estiveram presentes a audiência pública os vereadores, Milton Lobo, Carlinhos, Rege, El de Celé, Reijane Lima, Felipe Vieira e  Regininha. A audiência pública contou com as presenças do Secretario de Obras, Pamponet  e representando o Prefeito Fernando Bispo, o Secretario de Cultura Esporte e Lazer, Gilson Ferreira. Em suas falas todos foram unanimes, "queremos a Festa de volta como tudo começou, na sua formula tradicional" sem a preocupação com Bandas famosas.

A condução dos trabalhos foi feita por Rogério Brito, que presidiu a audiência e como fruto das discussões, foram retiradas, dentre outras, as seguintes indicações:

1) Retorno da Festa de Vaqueiros nos moldes iniciais;
2) Ausência de festa dançante como centro das comemorações;
3) Organização da festa realizada pela sociedade civil, com apoio dos grupos de cavalgada e montaria, independente do poder público.

A partir dos encaminhamentos, a Casa da Cidadania fica responsável por escrever um Projeto que tornará Lei a realização da Festa de Vaqueiros no município de Anguera.

MORRE EX-VICE-PREFEITO DE ANGUERA

Seu Zeca foi vereador e ex-prefeito em Anguera
na década de 70

Faleceu nesta terça-feira (20 de agosto) aos 93 anos, o Senhor José Alves Oliveira, conhecido como Sr. Zeca. Ele foi vereador no município de Anguera, entre os anos de 1973 e 1977 e vice-prefeito da gestão de Wood Mendes Vieira, entre os anos de 1977 e 1983.


Sr. Zeca confessava grande amor pelo município de Anguera. Tradicionalmente ele sempre estava presente na cidade para acompanhar os festejos da Padroeira Nossa Senhora da Conceição, todos os anos, na data de 08 de dezembro.

No ano de 2014 ele recebeu homenagem da Câmara Municipal de Anguera, num evento solene que reuniu ex vereadores, ex prefeitos e ex vice-prefeitos. Sr. Zeca é tio do atual vice-prefeito Moisés Couto.

O sepultamento ocorrerá nesta  quarta-feira (21/08), às 09 horas, na cidade de Feira de Santana. O corpo está sendo velado no Salão da Funerária Cristo Rei, no bairro Kalilândia. 

AUDIÊNCIA PÚBLICA DISCUTE RETORNO DA FESTA DE VAQUEIROS DE ANGUERA

Essa bandeira tradicional precisa percorrer
as ruas de Anguera novamente

A câmara de vereadores de Anguera, promove hoje as 19:30 hs, na casa da cidadania, audiência pública para discutir junto a população, o retorno da festa de vaqueiro, pioneira e inspiradora  na região.
Artur de Wood, presidente da última edição em 2014

A festa de vaqueiros de Anguera era aguardado por todos os amantes do esporte, grupos de montarias se organizavam, a cidade era invadida por vaqueiros de toda a região. 

No inicio a festa era denominada de Missa de Vaqueiros, depois perdeu o nome para a festa de vaqueiros onde foram introduzidas  grandes atrações musicais. Nas primeiras edições não existia bandas, os vaqueiros com os seus grupos de montarias  portando suas bandeiras, davam um tom colorido, sem falar nos vaqueiros ancorados que era uma atração sempre aguardada por todos.

Com o passar dos tempos, a festa foi perdendo a sua característica com a participação de grandes bandas musicais.O povo passou a prestigiar mais as bandas do que a montaria. Com a exigência do povo para a contratação de bandas famosas e  os presidentes não correspondendo com essa expectativa, a festa foi a cada ano sendo enfraquecida. Os presidentes incapacitados de contratar e sempre dependendo do apoio da prefeitura,  a tradicional festa de vaqueiros de Anguera caiu no descaso e parou de acontecer.

A ultima edição aconteceu no ano de 2014,  quando na época o presidente foi Artur de Wood. Depois passou a bandeira da  festa  a Fernando Bispo que na ocasião ficou impossibilitado de realizar. Como o nome, Festa de Vaqueiros de Anguera,  era grandiosa e o público sempre cobrando grandes atrações, Fernando Bispo optou em realizar a Cavalgada da Fé que atraiu milhares de cavaleiros e amazonas.

O que se propõe  hoje no debate  da audiência pública, é a tentativa da volta da Festa de Vaqueiros de Anguera como no inicio da sua historia. Festa tradicional de vaqueiros e não festa dançante de vaqueiros.

EX-PREFEITO DE IPIRÁ MORRE EM ACIDENTANTE DE CARRO NA ESTRADA DO FEIJÃO

 Ex-prefeito de Ipirá Aníbal Aragão

O ex-prefeito do município de Ipirá, Anibal Ramos Aragão, de 53 anos, morreu após um grave acidente de trânsito no início da tarde desta segunda-feira (12), na BA 052, conhecida como Estrada do Feijão, no distrito de Bonfim de Feira, em Feira de Santana. Dois veículos se envolveram no acidente: uma Strada, que era conduzida por Aníbal, e um caminhão, conduzido por Roberto Carlos Gomes, que morreu no local. 
De acordo com informações do site Ipirá FM, o ex-prefeito ficou gravemente ferido, foi socorrido para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), em Feira de Santana, mas não resistiu. 

Antes de viajar para Feira de Santana, Aníbal participou da inauguração do sinal digital da TVE em Ipirá, na manhã desta segunda-feira (12), com diversas autoridades políticas. O radialista Lúcio Moura, que também estava no evento, informou ao Acorda Cidade que logo após a inauguração, Anibal foi convidado para um almoço na casa do deputado Jurandi Oliveira, mas recusou alegando que precisava seguir para Feira de Santana. Momentos depois, a notícia do acidente chegou a Ipirá.
“O deputado Jurandi Oliveira seguiu para o local do acidente e o secretário (estadual de Educação, que também estava na inauguração do sinal digital da TVE), Jerônimo Rodrigues, foi o primeiro a me confirmar o óbito”, informou Lúcio. Segundo o radialista, um policial militar relatou que Anibal foi tirado das ferragens, mas morreu na ambulância, a caminho do hospital.
Diante da notícia, o radialista afirma que o sentimento em Ipirá é de consternação. “O clima é de consternação, muita tristeza. Muitas fotos do Vaqueiro, como ele era conhecido, circulando nos grupos de WhatsApp. A vida realmente é um sopro. O cara sai daqui todo feliz e de repente vai a óbito”, lamentou Lúcio.  
Anibal Aragão deixa esposa, dois filhos e neta.
O Prefeito de Ipirá, Marcelo Brandão, além de ter decretado luto oficial de três dias, suspendeu o atendimento ao público nesta terça-feira, 13, em virtude do falecimento de Aníbal Aragão. Com a medida adotada pelo prefeito não haverá expediente em nenhum órgão público, exceto os que prestam serviços essenciais.
A Prefeito Marcelo Brandão adotou essa medida em virtude do ocorrido e em respeito ao velório e sepultamento que será realizado nesta terça. O atendimento ao público nas repartições públicas da Prefeitura de Ipirá retorna ao normal somente na quarta-feira (14).
O velório será realizado no salão da Câmara Municipal de Ipirá até às 10h30 desta terça e, em seguida, o cortejo fúnebre seguirá para o povoado do João Velho. O sepultamento será no cemitério do povoado do João Velho, às 15h, antes do sepultamento o corpo ficará também na igreja do povoado para as últimas homenagens .
Fonte: Acorda Cidade/Site Ipirá Fm
Fotos: whatsApp e Site Ipirá Fm

INAUGURADA 1ª CLÍNICA MÉDICA PARTICULAR EM ANGUERA

CLIMEP - Clínica Médica Pamponet, primeira clínica
médica particular de Anguera

Aconteceu no sábado, dia 10/08/2019, a inauguração da primeira clínica particular da cidade de Anguera, a CLIMEP - CLÍNICA MÉDICA PAMPONET.

Professora  Valmira sendo atendida na ação social de inauguração da CLIMEP
No evento foi servido um delicioso café da manhã e disponibilizados vários atendimentos gratuitos de saúde, como: atendimento de nutrição, psicologia e fisioterapia, além de aferição da pressão arterial e a realização de mais de 130 testes de glicemia.
  Casal Drª Carol e Dr. Rafael Pamponet
A ação de saúde da CLIMEP ainda contou com a orientação médica de Dr. Rafael Pamponet e sua esposa, também médica, a endocrinologista, Dra Ana Caroline Pamponet.

Grande público na inauguração da CLIMEP
A clínica recebeu um grande público neste dia, que pôde conhecer uma estrutura moderna e totalmente climatizada, com recepção, laboratório e consultórios médicos equipados com o que há de melhor no mercado, proporcionando muito conforto e qualidade à população Anguerense e de toda Região.
Empreendedor Pamponet, radialista Rogério Brito
e Dr. Diogo Pamponet
O evento teve a cobertura da Anguera FM que entrevistou seu idealizador e proprietário Balbino Pamponet e alguns membros da família, além de profissionais de saúde e diversos convidados.

O tom das entrevistas dos presentes foi o enorme benefício que uma clínica desta trará à cidade e toda sua população e a coragem e determinação de Pamponet em investir em algo tão importante e inovador.

Pamponet relatou que "trata-se de um projeto ambicioso de atendimento médico de qualidade a preços populares, competindo com clínicas de grandes centros e tudo isso sem a inconveniência e o alto custo que o cidadão de Anguera e Serra Preta tem que arcar diariamente em deslocamentos para Feira de Santana para tratar de sua saúde, enfrentando, além de despesas de transporte e alimentação, o perigo constante das estradas".
Dr. Rafael Pamponet
Por sua vez, o médico Dr. Rafael Pamponet ressaltou a importância do empreendimento para a cidade de Anguera e destacou ainda que "a CLIMEP contará com uma equipe de 14 especialistas médicos que já atendem em Feira de Santana e Salvador, sendo: Clínico Geral, Cardiologista, Endocrinologista, Ginecologista, Obstetra (Pré Natal), Pediatra, Psiquiatra, Neurologista, Dermatologista, Gastro, Ortopedista, Urologista, Otorrino, Ultrassonografia, Nutricionista e Psicóloga e a partir de setembro também Oftalmologista, todos escolhidos com muito cuidado para garantir aos pacientes um serviço de excelência com preços populares e facilidade de pagamento."

O advogado Dr. Diogo Pamponet relatou a felicidade de um sonho realizado e destacou a parceria da CLIMEP com o laboratório Vitalab, afirmando que "o Vitalab é um dos maiores, senão o maior laboratório da Bahia e conta com quase 80 unidades e mais de 24 anos de experiência" disse também que "o Vitalab terá serviços de vacinas e também fará atendimento em domicílio, exclusivamente, em casos de pacientes sem condições de locomoção, estendendo a todos o acesso à saúde, sem custo adicional, exigindo apenas que o interessado providencie o transporte do colaborador que fará a coleta domiciliar".
Família Pamponet,  Dr. Diogo,  Drª Priscilla, Professora  Márcia Freitas,
empresário  Pamponte, Drª Fabrícia e Dr. Rafael
Por fim, a família Pamponet, representada por Balbino Pamponet e sua esposa Márcia e seus filhos Priscilla, Fabrícia, Diogo e Rafael, agradeceram a presença maciça da população e a Anguera FM, através de seu representante Rogério Brito, pela "espetacular cobertura jornalística realizada".

Enfim, este foi um grande dia para a cidade de Anguera que agora pode contar com uma excelente e completa clínica médica e um renomado laboratório, algo até então inimaginável para um pequeno Município. 

Anguera agradece!