ANGUERENSES EXPÕE SEUS TALENTOS NO CUCA

Rogério Brito e Junior Alves, anguerenses expondo seus trabalhos 
 no CUCA
Dois anguerenses expuseram suas antes no Centro Universitário de Cultura e Arte na noite de ontem quanta (11/06) em coquetel de lançamento da  exposição de Artes do CUCA.

Dois estilos diferentes, um escreve com a luz através da fotografia e o outro escreve fotografia através dos lápis ou seja grafite no papel.
Casinha de agricultor as margens da BA-052  no município de Anguera
 O fotógrafo Rogério Brito escrevendo com a luz as suas fotografias, participa pela segunda vez da exposição de fotografia do Cuca. Rogério Brito teve duas de suas fotos escolhida para  exposição, uma foto tirada às margens da BA-052 é uma casa preparada por um agricultor que a usa nas horas de descanso na labuta do preparo da terra para obter o seu fruto precioso. A simplicidade e a realeza de detalhes da foto chamaram a atenção na exposição pela sua composição artística. Minha casa minha vida foi o tema escolhido pelo fotografo.

 A outra foto escolhida pelo Professor de Fotografia do Cuca Aldo Lima, foi uma flor com uma menstrua das corres roxo com vinho com o fundo preto.  O fotógrafo escolheu como tema  para esta foto,  Rosa Bonina.

Junior Alves, grafite em papel, uma arte difícil mas prazerosa
O outro anguerense que expôs o sue talento, desta vez escrevendo fotografia através do lápis, grafite no papel, que é muito mais difícil que fotografar,  é um brilhante e que ate então tem seu taleto desconhecido pela população, Eugênio Alves Filho, nome artístico, Junior Alves. 
Junior retratou sua colega de curso 
Junior Alves impressionou os curiosos que contemplaram a sua arte. Foram trabalhos que cativou e emocionou a todos pelos detalhes das fotos grifadas. Junior Alves grafitou uma colega da turma que posou para o artista anguerense, os detalhes das semelhanças são espetaculares.

Os amigos, Matheus, Pedro e Miúdo, foram prestigiar seu colega Junior Alves
Junior Alves contou para o ANGUERA ONLINE  que começou brincando com os lápis aos 13 anos e  a cada rabiscada viu que era fácil transcrever para o papel a face humana. Começou brincando e não parou mais. Assim como o fotografo Rogério Brito que tinha talento para a fotografia e Junior Alves para o grafite no papel, faltavam as técnicas da fotografia e do grafite. Foi ai que ambos se escreveram para os cursos de fotografia e grafite no papel. Rogério Brito pela segunda vez e Junior Alves a sua primeira.


Trabalhos de Junior Alves

A  exposição dos trabalhos dos anguerenses, Junior Alves e Rogério Brito, no CUCA, ficaram ate o dia 17 de junho. Não custa nada da uma passadinha e prestigiar o trabalho dos anguerenses.

2 comentários:

  1. Vereador CARLINHOS12 de junho de 2014 08:31

    Parabenizo os filhos anguerenses! Rogério Brito e Júnior Alves pelos grandes trabalhos expostos no CUCA, com isto elevando ainda mais o nome da nossa querida Anguera.

    ResponderExcluir
  2. Nossa que trabalho sensacional!!!Assim como muitos eu nao sabia desses talentosos.Parabens !

    ResponderExcluir

ATENÇÃO! NÃO SERÃO PERMITIDOS E ACEITOS OS COMENTÁRIOS QUE VIEREM COM OFENSAS E XINGAMENTOS.

AO POSTAR O COMENTÁRIO ESCOLHA A OPÇÃO: Nome/URL e comente usando o seu nome.